Negócios e Política

Saiba como usar copywriting a seu favor

Copywriting é um tipo de texto que tem como objetivo vender algo para alguém. As técnicas usadas para criar os conteúdos são voltadas para a conversão, por isso, é ideal para as empresas que querem gerar leads.

Um redator que tenha bom poder de persuasão pode investir na carreira como copywriter. Seu trabalho será escrever conteúdos que convençam o usuário a comprar um produto, serviço ou realizar qualquer outra ação esperada.

O copywriter é uma profissão semelhante ao redator publicitário, mas é mais voltado para o Inbound Marketing e possui um estilo de escrita mais específico.

Por estarmos vivenciando a era da informação que transformou o conteúdo rico e relevante na arma mais poderosa da web, as organizações perceberam a importância de desenvolver materiais mais engajadores e que convertam os visitantes das páginas.

As marcas sabem que precisam entregar algo de valor para seu público, mas ao mesmo tempo transformar seus leitores em pessoas interessadas em seus produtos. É justamente aqui que entra o copywriting.

Para entender um pouco mais sobre o assunto, este artigo busca explicar o que é copywriting, por que o copywriting é importante, além de apresentar algumas dicas para aplicá-lo do jeito certo.

O que é copywriting?

Copywriting é uma técnica usada para produzir conteúdos com foco em conversão. Em outras palavras, são materiais que guiam o leitor para que ele realize uma ação específica.

Esses textos possuem caráter persuasivo e fazem com que a audiência compre alguma coisa, contratem um serviço ou façam qualquer outra coisa desejada pela marca.

Esse tipo de texto é usado em estratégias de marketing e vendas e utiliza-se de vários gatilhos e estratégias que convencem os usuários.

Um texto de copy produzido por um fabricante de agenda personalizada advogado pode ser aplicado em diversas mídias e formatos.

Importância do copywriting

O copywriting é uma estratégia que traz muitas vantagens para as empresas, e elas explicam a importância de produzir textos desse tipo. Dentre seus principais benefícios estão:

  • Textos de qualidade;
  • Melhora do posicionamento;
  • Mais leads gerados;
  • Proximidade com os clientes.

A escrita usada nos materiais, anúncios e até no site da empresa é fundamental para alcançar o sucesso. Se os textos não forem bem elaborados ou apresentarem erros ortográficos, podem causar uma má impressão aos clientes e visitantes em geral.

Mas por meio de um bom copywriting, o cuidado na produção gera textos de qualidade e sem erros. Os materiais também podem ser produzidos de acordo com as estratégias de SEO (Search Engine Optimization).

Com isso, as páginas da companhia aparecerão entre os primeiros resultados de pesquisa. É assim que uma empresa de conserto de impressora consegue aumentar sua notoriedade e conquistar a confiança das pessoas certas.

O negócio precisa criar textos de qualidade e otimizados para atrair os consumidores e melhorar seus resultados. O copywriting produz materiais que despertam o interesse porque atua em cima dos problemas das pessoas, mostrando as possíveis soluções.

Isso atrai usuários e os converte em leads que, ao longo do tempo, serão nutridos com mais conteúdos até que estejam prontos para comprar.

Por fim, investir em copywriting é importante para produzir conteúdos direcionados aos interesses do público-alvo da marca. Eles envolvem os clientes e aumentam a proximidade entre eles e a marca, transformando-os em defensores da empresa.

Como elaborar um bom copywriting

Para aproveitar todos os benefícios dessa prática e usá-la a favor do negócio com excelência, é necessário saber elaborar os materiais seguindo os parâmetros do copywriting. Algumas dicas para fazer isso são:

Conhecer o público

Antes de começar a escrever, primeiro é necessário saber para quem vai escrever, ou seja, quem são as pessoas que vão ler seus textos. Isso é importante porque você só consegue convencer o público se souber o que essas pessoas precisam.

Mais do que isso, uma loja de persiana double vision sob medida precisa saber como vai se comunicar com sua audiência.

Conhecer a persona da marca é um passo muito importante nesse sentido, sabendo em qual etapa da jornada de compra ela se encontra e como criar conteúdos para ela.

Essas informações ajudam a criar a copy perfeita e responder às dúvidas dos usuários, atendendo aos desejos da persona, tanto em relação à solução de um problema quanto ao modo como a comunicação acontece.

Oferecer um diferencial

Para iniciar ou intensificar o relacionamento com o público, não se deve pedir informações logo de cara. O ideal é oferecer algo de valor para as pessoas, como um e-book.

Mas para que a empresa consiga o que deseja, no caso, informações sobre os visitantes, deve pensar em algo que faça sentido para a persona.

Provar o que diz

De nada adianta vender um produto ou serviço se a marca não puder provar o que está falando. Mas se um fabricante de etiqueta para gôndola amarela puder confirmar o que diz, as personas vão enxergá-lo com outros olhos.

Além de mostrar que outras pessoas têm sucesso com o produto ou serviço, a marca deve se posicionar como uma empresa que entende o mercado e que sabe como resolver o problema de sua persona.

Oferecer algo limitado

O produto, serviço ou conteúdo precisa ser exclusivo, único e limitado, pois isso cria senso de urgência no público. Mas não se esqueça de agregar valor ao cliente e oferecer vantagem competitiva.

A empresa pode enviar e-mails informando o lead que liberou testes grátis de seus produtos, mas apenas para uma quantidade x que baixar um e-book, por exemplo.

Contar uma história

O Storytelling é uma estratégia usada para contar uma história e com isso compartilhar sentimentos como medos, conquistas, desafios, angústias, habilidades, dentre outros aspectos.

Dessa forma, uma empresa de barraca de pastel completa consegue mostrar o valor de sua solução e que outras pessoas passaram pela mesma jornada e tiveram êxito.

Fazer o lead concordar com você

Se a companhia falar diretamente sobre as características de sua solução, provavelmente muitas pessoas nem mesmo vão ouvir o que ela está falando.

Agora, se a organização falar sobre os problemas que os indivíduos enfrentam e mostrar que pode ajudá-los com essas questões, então muitos vão prestar atenção no que ela tem a dizer.

Quando a audiência se identifica e admite os problemas que possui, vai querer ouvir uma marca que está disposta a ajudar. O negócio deve fazer com que as pessoas se identifiquem com a situação exposta e admitam que se encaixam nela.

É uma forma de fazer com que busquem uma solução para seu problema, ou seja, que comprem os produtos e serviços exibidos em um flyer festa junina.

Assumir os próprios erros

As pessoas admiram e reconhecem organizações que admitem seus erros e procuram corrigi-los. Por isso, admitir que errou é um trunfo para qualquer marca, mas isso não significa cometê-los propositadamente só para criar essa imagem.

Entretanto, se algo desagradou o público ou se um produto apresentou defeitos, assuma essa condição porque ajuda a criar uma conexão mais profunda com a persona.

A empresa mostra que, assim como qualquer um, é passível de erros, mas que é capaz de passar por cima de suas dificuldades e melhorar a relação com seu público.

Uma empresa de portaria virtual pode fazer isso compensando seus leads e demonstrar transparência em suas ações.

Apelar para a emoção

Para que o leitor realmente desenvolva conexão e se identifique com o que está sendo dito, é muito importante apelar para a emoção.

Quando as pessoas se conectam com a marca, compram sem pestanejar, afinal, é natural do ser humano agir por emoção.

Uma forma de fazer isso é por meio de histórias e características que o interlocutor possui em comum com o usuário, tendo em vista que as pessoas gostam de se comunicar com quem se assemelham.

Atrair a atenção do leitor

A estratégia de conteúdo é feita pensando na venda e não apenas no material em si. Alguns elementos fazem as pessoas pararem tudo o que estão fazendo para ler.

Mas um fabricante de janela grande de vidro pode usar a regra do um, que nada mais é do que falar sobre um tema de cada vez para não perder o foco do usuário.

Considerações finais

Toda empresa precisa vender, mas, hoje em dia, para que isso aconteça, ela precisa criar uma conexão com sua audiência e depois convencer as pessoas a realizarem uma ação esperada.

Mas conseguir isso nem sempre é fácil, afinal, a internet é um espaço competitivo e todas as empresas estão tentando chamar a atenção do consumidor.

O copywriting entra nesse processo para ajudar o negócio a fazer esse movimento, fortalecendo suas estratégias de marketing e vendas e melhorando os resultados obtidos. Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quatro × quatro =