Blog

A diferença entre criar um sistema e criar uma meta

A nossa vida inteira é feita de metas e objetivos, sejam elas pessoais ou profissionais, nós sempre buscamos uma nova conquista e alcançar um patamar diferente do que temos hoje, sejam elas simples, como trocar os alarmes de incêndio de sua empresa, ou mais complexas como comprar uma casa nova. 

Muitas pessoas dormem e acordam sonhando em alcançar essas metas para finalmente, buscar o patamar de “felicidade”, muitas até fazem pequenas metas diárias, como aumentar o peso na academia, ou terminar um jogo de videogame durante o fim de semana, e por mais que a sensação de dever cumprido seja ótimo, o caminho tende a ser bem complicado. 

É exatamente aí que entram os sistemas, eles tendem a dizer respeito aos processos que as pessoas encaram e o cotidiano que elas buscam no seu dia a dia, e como fazer para alcançar uma meta, pode parecer meio confuso mas acredite, a diferença entre ambos é gritante. 

No texto de hoje, iremos mostrar a diferença entre criar um sistema e criar uma meta, será que eles se complementam? Qual é mais importante? Responderemos todas essas perguntas a seguir, então confira! 

O que é o sistema?

De maneira bem resumida, o sistema é basicamente todo o processo que você realiza em seu cotidiano enquanto busca alcançar um objetivo, vamos supor que você é treinador de um time de futebol, o seu objetivo é ganhar o campeonato no final do ano, e para alcançá-lo, você deve treinar sua equipe, estabelecer uma rotina e cronograma de treinos, aperfeiçoar seus atletas, se preparar para o jogo, estudar o adversário e por aí vai. 

Todos esses “meios” são conhecidos como sistema, ou seja, a partir do momento que você monta uma série de processos para alcançar seu objetivo, e o que você vai fazer para melhorar seu time, você está criando um sistema, parece até complicado mas acredite, é mais simples do que uma caixa de papelão

Sendo assim, criar um sistema é montar um conjunto de práticas para a sua rotina, seja ela profissional ou pessoal, se você quer emagrecer, vai criar um sistema de exercícios e de comer da forma correta, se quer escrever um livro até o final do ano, vai criar um sistema de quantas páginas escrever em cada semana, e por aí vai. 

E meta, o que significa?

Já as metas talvez sejam mais simples e até mais populares para serem apresentadas, elas se baseiam naquilo que você deseja alcançar, ou seja, um objetivo, algo que almeja muito e coloca na cabeça, no exemplo que demos acima, sua meta é ganhar o campeonato, ou escrever um livro até o final do ano. 

A criação de metas ocorre de forma regular e até mesmo espontânea, muitas pessoas miram seus objetivos e colocam na cabeça, o que elas desejam, como trocar de carro, comprar uma casa, fazer intercâmbio, mudar de profissão, ser promovido, ou como já citamos, realizar algumas metas simples e rotineiras, como melhorar a pontualidade, aprender uma nova receita ou assistir uma série inteira durante sua folga. 

Quais as diferenças entre criar uma meta e criar um sistema?

Agora que você já tem bem alinhado o que significa meta e o que significa objetivo, fica muito mais fácil entender as diferenças entre eles, certo? Uma diz respeito a onde você quer chegar, seus sonhos, pretensões e o seu ponto final, o outro, é todo o processo para chegar lá, bem diferente, não acha?

Sendo assim, quando você cria uma meta está criando e estipulando algo que quer alcançar, já quando cria um sistema é a metodologia e os processos que você vai utilizar, analisando desse ponto, o sistema só existe por conta da meta, certo? Na verdade, não é bem assim. 

Vamos supor que sua meta seja melhorar seu processo de refrigeração, então você cria uma meta com um prazo para ser cumprido, já o seu sistema é comprar uma bomba de vácuo nova e treinar melhor os seus colaboradores, mas, você não acha que, só de criar um sistema seria suficiente para alcançar o sucesso? 

É possível criar um sem o outro?

Claro que as metas ajudam a nortear nossas vidas, e fazem com que muitas vezes, ganhemos um propósito, porém, o processo em grande parte, acaba importando mais do que a conclusão final, lembra do exemplo lá em cima do campeonato? Você acha que, se seu time treinasse mais, se se dedicasse mais, os resultados não viriam automaticamente?

Dessa forma, podemos afirmar que a criação de um sistema pode vir de forma natural, sem necessariamente, precisar de uma meta, você pode mudar seus processos, adotar uma nova mentalidade, e deixar tudo fluir, que os resultados vão chegar e mudar de maneira muito mais natural e automática. 

Já o contrário é um pouco mais complicado, você até pode criar uma meta sem criar um sistema, mas como chegará até ela? Seria quase impossível, concorda? Sendo assim, muitas vezes nos preocupamos tanto com o futuro e com nossos objetivos que esquecemos de aproveitar e se dedicar em todo o processo. 

Lembre-se, é a partir da criação de um bom sistema, que a sua meta criada pode ser alcançada, então capriche, se esforce, se dedique e não se esqueça sempre de aproveitar o caminho até o sucesso. 

O que achou do texto de hoje? Deixe sua opinião nos comentários abaixo e não se esqueça de compartilhar com seus amigos e familiares caso tenha gostado, até a próxima!

Esse artigo foi escrito por Iago Lourenço, criador de conteúdo do Soluções Industriais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

15 + dezessete =