Beleza e Saúde

Depressão e ansiedade no home office: como evitar?

Durante a pandemia, muitas empresas adotaram um modelo de trabalho remoto, e isso nos mostrou que essa é uma tendência contínua. No entanto, é importante dizer que, cuidar da saúde mental e do bem-estar dos colaboradores é imprescindível para evitar a depressão e a ansiedade no home office.

De acordo com um estudo recente da Organização Mundial da Saúde (OMS), a depressão e os transtornos de ansiedade custam à economia global US$1 trilhão em perda de produtividade a cada ano.

Mesmo nesse contexto, ainda estamos vendo um progresso lento no planejamento da saúde mental e do bem-estar dos funcionários.

Por outro lado, as empresas que fazem parte do orçamento de uma organização pela importância do tema já começam a sentir os benefícios dessa nova prioridade.

Recentemente, a OMS publicou pesquisas demonstrando um retorno 4x maior do investimento em ações preventivas de saúde mental.

Note que estamos falando de investimento e não de custo. As empresas que passaram por essa mudança de mentalidade e da gestão de recursos humanos estarão liderando o caminho e se concentrarão na saúde mental de seus funcionários.

Se você deseja iniciar o processo de melhoria do trabalho em equipe em casa, continue lendo!

Maneiras de mapear o desgaste da equipe

O primeiro passo nesse processo é entender como essa forma de trabalho afeta a vida das pessoas.

Como vimos recentemente, trabalhar em casa por longos períodos pode prejudicar a saúde mental dos funcionários, pois gerenciar a vida pessoal e profissional no mesmo espaço está se tornando mais complexo.

Para evitar que o atrito piore, os gerentes e profissionais especializados em gestão de recursos humanos ead (ou presencial), precisam estar cientes dos sintomas mais comuns dos trabalhadores remotos:

  • Fadiga mental, sensação de cansaço;
  • Incapacidade de deixar o trabalho mesmo durante o lazer;
  • Dores musculares e dores de cabeça;
  • Falta de motivação para concluir tarefas;
  • Insegurança sobre o valor do seu trabalho;
  • Ansiedade e distúrbios do sono;
  • Síndrome de burnout.

Para mapear esses sintomas, as organizações precisam entender como os funcionários estão se sentindo.

Por isso, é importante ter uma cultura de feedback (a comunicação contínua é essencial) e aplicar pesquisas de clima organizacional e de sentimento (são ferramentas importantes para avaliar os sentimentos da equipe).

Além disso, pesquisar sobre curso de gestão de pessoas online pode ser uma ótima maneira de aprender a gerenciar os colaboradores à distância neste novo modelo de trabalho.

5 dicas para evitar a ansiedade e a depressão no Home Office

Priorizar a felicidade e a saúde mental em um home office não é uma tarefa fácil, pois requer planejamento, análise comportamental e planejamento de ações constantes.

Fatores como a distância entre todos e o aumento da influência de fatores externos ao trabalho tornam essa tarefa ainda mais complicada.

Pensando nisso para te ajudar, trouxemos algumas dicas para potencializar a saúde mental do seu home office e manter a mente e o corpo dos seus colaboradores saudáveis.

  1. Programas de saúde mental

Após mapear os sentimentos de sua equipe e analisar a realidade de sua empresa, é necessário desenvolver um plano de ação com o objetivo de melhorar os problemas identificados. Em outras palavras, um programa de saúde mental.

Se bem estruturado, trará alguns benefícios para a empresa, como clima organizacional mais harmonioso, maior produtividade e, consequentemente, melhor desempenho organizacional.

  1. Promova o bem-estar

Uma estratégia que os gerentes e o RH podem implementar, como indicado em diversos cursos de gestão de pessoas em startups, é apontar várias maneiras de trabalhar em casa para ajudar os funcionários a se manterem saudáveis.

Portanto, compartilhar uma aula de meditação online gratuita ou uma aula de dança perto de seus colegas pode ajudar a motivar os funcionários a encontrar soluções quando encontrarem problemas.

  1. Ofereça horários de trabalho flexíveis

Oferecer horários de trabalho flexíveis significa dar aos funcionários a capacidade de definir quando terminam seu dia de trabalho.

Não é uma métrica fácil, pois a flexibilidade geralmente vem com muitos problemas relacionados à produtividade, pois não é uma métrica compatível com todos os perfis de empresas e funcionários.

No entanto, dado o ambiente atual do home office, é importante ressaltar que seguir um cronograma rígido pode gerar infinitas preocupações e problemas para todos.

Ao ter que dividir entre tarefas profissionais e tarefas domésticas, os processos precisam ser adaptados com muita rigidez, e os funcionários se sentem cada vez mais estressados, estressados ​​e menos produtivos.

  1. Transforme os cuidados de saúde mental em home office em prática contínua

Não basta apenas falar de saúde mental e bem-estar. As organizações precisam praticar isso de forma positiva todos os dias para que funcionários entendam seus limites e possam priorizar sua saúde.

É comum ver líderes falarem sobre o bem-estar de seus subordinados, mas ficam se perguntando o que conseguem superar, esquecendo que a saúde mental também se aplica a eles.

Uma dica muito interessante nesse sentido é incentivar a realização de curso gestão de pessoas a distancia para os setores de liderança e também, no compartilhamento de boas práticas e experiências entre as equipes.

  1. Canais de feedback positivo

Infelizmente, a saúde mental continua sendo um tabu para empresas e profissionais em algumas organizações. Às vezes, nenhum deles consegue identificar esses problemas e tratar naturalmente o estresse, a ansiedade ou até a depressão em curso.

Portanto, incentivar o feedback, reuniões individuais e conversas informais entre líderes e seguidores são fundamentais para promover a saúde mental e o bem-estar no home office.

Por meio do diálogo, todos saberão se estão no caminho certo e o que precisa ser melhorado. Afinal, todos precisam ter a certeza de que estão sendo ouvidos e que seus esforços são reconhecidos.

Conteúdo originalmente desenvolvido pela equipe do blog Top News Tech, site voltado 

para a veiculação de conteúdos relevantes para empresas, contribuindo com estratégias para o desenvolvimento do negócio.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

17 + onze =